20 coisas que toda casa deveria ter

>> segunda-feira, 31 de janeiro de 2011


Quem é que nunca sonhou ter um casa perfeita?  Com ambientes enormes pra gente poder dispôr de todos os móveis que imagina, usar qualquer cor na decoração sem ter que se preocupar com amplitude do espaço e lugar na mesa pra receber vários casais de amigos ao mesmo tempo? E de preferência, que essa casa tenha bastante luz natural, janelões e uma varanda ou quintal de tamanho que seja possível colocar uma mesa (nem que seja de 2 lugares!) pro café da manhã, um sofá de área externa cheio de almofadas pra gente se esparramar no domingo enquanto lê o jornal, e bastante vasos de plantas de todos os tamanhos! Vai dizer dizer que você nunca desejou isso?

Acho uma sacanagem uma pessoa ter que ficar se preocupando com que lugar vai apoiar a comida quando servir um jantar, simplesmente porque não tem espaço pra colocar um móvel buffet/aparador na sala de jantar, quando na mesa mal cabem os pratos. Isso é, se a pessoa tiver uma mesa de jantar, né? Porque parece que os construtores chegaram à conclusão que os apartamentos novos não precisam mais de espaço para a família se reunir à mesa. Pra eles a gente sempre almoça e janta fora...

Se você tem essa casa ou apartamento perfeito, parabéns, querida, você é uma mulher invejada! Já pode sorrir e sacudir os cabelos pro lado!
E se você é das minhas e ainda não possui essa riqueza, faça como eu: cruzes os dedos, trabalhe mais um pouquinho e junte todas as suas moedinhas pra ver se um dia chega lá!
Enquanto esse dia não chega, fiquei aqui pensando e cheguei a uma lista de 20 coisas que eu acho que toda casa deveria ter (além de um marido apaixonado, cheiroso e que faz tudo pra ver a gente feliz, claro):

o tal do móvel buffet na sala de jantar. No dia à dia serve pra apoiar um arranjo bonito de flores, porta retratos, etc. Nos dias de festa serve pra apoiar rechauds com a comida que será servida, bebidas, copos. E todos os dias da vida pode ser alí o lugar onde você guarda todas as louças de festa, travessas, bandejas, guardanapos de tecido, faqueiro, sousplats, etc.

Uma cristaleira maravilhosa (de peroba do campo!!), de dar inveja a qualquer tia dos nossos maridos, só pra gente organizar todas as taças maravilhosas que ganhou de presente de casamento!


Uma mesa de jantar! É tão deprimente ter que almoçar na mesa de centro! Já passei por isso durante 5 longos anos quando morava sozinha. É dose. Todo casa ou apartamento deveria ter dimensão pra caber uma mesa de jantar de, pelo menos, 8 lugares só pra gente receber bastante!

Um sofá grande, confortável e expansível! Um sofá que no dia à dia fique todo arrumadinho, cheio de almofadas e mantas coloridas, e nos dias de cinema em casa e gente possa se esparramar com marido e amigos pra assistir à todos os episódios de Grey's Anatomy, incansavelmente, sem herdar um bico de papagaio depois de 6 temporadas.

Um tapete fofo e felpudo, de 5cm de espessura pra gente passear descalço o dia todo, espalhar uns almofadões e deitar nele quando quiser, apoiar o notebook e twitar à vontade!

Um lustre. Um lustre antigo, daqueles cheio de penduricalhos, só pra dar aquele clima romântico nos jantares à dois e te fazer sentir Kirsten Dunst, numa cena de Marie Antoinette.

Portas de, pelo menos, 90cm! Ninguém nessa vida merece essas portas estreitas desses apartamentos novos! Porta boa é porta larga, pra você conseguir entrar com o refrigerador maravilhoso e enorme, sem ter que mandar içar pela fachada do prédio e entrar pela janela.

Por falar em refrigerador, o de toda casa deveria ser frost free. Porque descongelar geladeira é humilhante demais e não desejo nem pro meu pior inimigo!

Toda a linha inteligente de cozinha do Shoptime! Panela de arroz, mastersuco, máquina de fazer pão, máquina de fazer tortinhas, omeleteira, waffle, grill família, tudo, tudo! Só pra você passar menos tempo na cozinha e mais tempo curtindo aquele maridão perfeito que a gente falou lá em cima, e de quebra ainda ganhar os créditos de um jantar delicioso!

10º Um bom faqueiro. Daqueles de trocentas peças, grandes, pesados, chiques e eternos. Você pode nem saber cozinhar, mas se apresentar um faqueiro bonito, já valeu. Toda mulher deveria ter esse direito!

11º Um bom aparelho de jantar neutro e lindo pra festas, e três conjuntos de taças bico de jaca de cores diferentes, só pra variar. Escolho bico de jaca só porque são as minhas preferidas. Se você quiser, pode eleger as suas!

12º Guadanapos de tecido. Pelo amor de Deus, você merece ter guardanapos de tecido! De preferência  de linho com ponto ajur. Sem mais.

13º Luminárias de piso, de mesa, candelabros, lanternas, castiçais, enfim.... o que você preferir pra dar aquele climinha na hora do cinema em casa.

14º Muitas tomadas! E seguindo as novas regras para as tomadas e plugues brasileiros. Porque se você está equipando a casa agora, sua tv (e qualquer outro equipamento) virá com o pluge novo, e aí você teria que poluir sua sala de tv com vários adaptadores de tomada para todos os lados. Ah, sim, porque nessa casa maravilhosa você teria uma sala só de tv!

15º Lençóis de algodão egípcio de 600 fios deveria ser regra. Casou? Então, toma, leva de presente seu conjunto de cama chiquérrimo que abraça você e o marido durante a noite e amacia seus cabelos enquanto dorme. Você merece, né?

16º Toalhas de banho de primeiríssima qualidade! É deprimente demais ser obrigada a fazer esfoliação na pele enquanto se seca e terminar com pedaços da toalha dentro do umbigo.

17º Quarto extra. Um quarto que você possa usar pra se trancar nos dias de TPM, e que ainda sirva de quarto de hóspedes para os visitantes.

18º Um teto à prova de vizinhos. Um teto que não te deixe ouvir aquela elefanta da sua vizinha patinar de salto alto e arrastar móveis às 3 da manhã. Eu tenho aqui no prédio uma "família elefante" que mora no andar de cima. Se ainda não teve, certamente, um dia você vai ter uma e esse teto será super útil!

19º Um closet como o da Carrie Bradshaw, em Sex and the City - O filme! Esse item não precisa explicar, né?

20º E por último, mas não menos importante, uma boa "ajudante do lar". Faxineira, diarista, secretária, enfim, como você costumar chamar. O que menos importa é o nome que se dá à esse anjo! Todo mundo merece ter uma pessoa pra ajudar a manter essa casa maravilhosa nos eixos enquanto você - que é uma mulher super moderna e ocupada  - sai para trabalhar ou para se divertir com o marido. Uma pessoa que trate a sua casa como se fosse dela, que ajude a limpar todos aqueles eletrodomésticos incríveis da Shoptime, que mime você (o marido, não, só você), que minta ao telefone por você, que faça a lista de material de limpeza, que saiba fazer um bom pudim de leite, que tire a comida velha da geladeira, que lave e passe as roupas do marido, que saiba deixar o lençol da cama bem esticadinho, que seja a pessoa no mundo que te chama de Dona, que limpe em cima das portas e quadros, etc, etc.

Mas esse último item, sinto informar, é de longe o mais difícil de encontrar! Então, mesmo que você  ainda não tenha essa casa, se já tiver essa pessoa, segura ela aí porque já vale 50% de todo o resto!

Read more...

Menos é mais

>> domingo, 30 de janeiro de 2011


Só pra te lembrar que é sempre bom pensar simples na hora de escolher as louças da lista de presentes. É preferível ter apenas um aparelho de jantar neutro do que três coloridos. Porque é muito mais fácil reinventar os neutros com o uso de guardanapos, flores, jogos americanos e outros detalhes diferenciados a cada produção, ao invés de ficar presa às poucas opções que uma louça "estampada" te dá.












Imagens: The Nouveau Romantics

Read more...

Cada um na sua especialidade

>> quinta-feira, 27 de janeiro de 2011


Nunca tive muita paciência com os arranjos "certinhos". Acho bonito, acho que algumas decorações pedem, mas não é o meu estilo. Prefiro o "bagunçado-arrumadinho", como nas fotos abaixo:








E você pensa que é fácil fazer arranjos como esses? Pensa que é só juntar um punhado de flores e colocar num jarro, assim de qualquer jeito? Não, não é bem assim. Todo arranjo, por mais  irregular que seja, possui uma dezena de técnicas e pontos que devem ser estudados pra ter um resultado agradável. No caso dos arranjos irregulares, mais despojados, tudo é estrategicamente pensado pra você olhar para eles e imaginar que foi "o sem querer que deu certo".

Pra quem não sabe, eu não sou florista, nem pretendo ser. Até estou me inteirando melhor sobre o assunto, participando de cursos bons, mas não tenho a menor intenção de virar florista, simplesmente porque meu foco não é esse. Claro, quero entender melhor sobre o assunto, até pra saber o que pedir ao profissional que trabalha ao meu lado. Mas sempre que fecho uma decoração, faço questão de contratar um profissional para cuidar das flores. Aliás, é o que muita gente faz, tá? Só que muitos não dizem e levam crédito em cima do trabalho dos outros. Abafa o caso!

Um decorador que escolhe com os noivos os tipos de flores que serão usados numa decoração não é, necessariamente, florista. Pode até ser, mas não é regra. Escolher os tipos de flores e cores dos arranjos da minha decoração eu também escolho, oras. E sempre escuto as sugestões dos profissionais no assunto porque, afinal de contas, ele entende disso muito melhor do que eu. Mas nem por isso vou dizer que sou florista, concorda?

Florista é a pessoa que estudou, que conhece as técnicas de arranjos, que pensa na proporção deles, monta, etc. Do mesmo jeito que eu estudei pra entender sobre proporção, harmonia, equilíbrio, ponto de foco e diversas outras coisas em decoração, o florista estudou a mesma coisa e (muitas outras), só que voltado para as flores.  Esse sim é florista, estudou pra isso e merece crédito, e não a pessoa que simplesmente repassa uma listagem de flores que quer usar para um outro profissional colocar a mão na massa e fazer. Afinal de contas, só porque na faculdade eu aprendi a detalhar um móvel em marcenaria, isso não quer dizer que eu seja marceneira, não é? Cada um com a sua especialidade.


Imagens via Ruffled e Marie Claire Idées

Read more...

Chá

>> sexta-feira, 7 de janeiro de 2011


Se eu pudesse voltar no tempo, uma das coisas que não teria aberto mão antes de casar, seria de fazer um chá (de qualquer coisa!), só pra usar uma dessas fotos como inspiração da décor.






O bom é que, mesmo depois de casada, a gente ainda pode inventar um chá qualquer, só pra receber as amigas assim!


Imagens: Country Living

Read more...

Vestido

>> quarta-feira, 5 de janeiro de 2011


Preciso dizer que amei?


Preciso explicar porque amei?

Foto: Lisa Warninger

Read more...