Especial Primavera 2: Flores na Decoração

>> quinta-feira, 24 de setembro de 2009

Engana-se quem pensa que porque a primavera é a estação das flores, todas elas estarão mais baratas. Estarão, sim, mais bonitas, perfumadas e frescas. Mas, não necessariamente mais baratas. Algumas flores são caras o ano inteiro, e isso não muda na primavera porque são as chamadas flores nobres. Talvez, você encontre tulipas e copos de leite, por exemplo, por um preço um pouco melhor, mas, baratas, dificilmente.


Até dezembro, a oferta de cores e tipos de flores é abundante, e antes de eleger suas preferidas, é importante saber que elas são responsáveis pelo estilo da cerimônia. Ditam se o clima é formal, descontraído, romântico, clean, etc. Por exemplo, se o que você quer é uma cerimônia nada tradicional, usar copos-de-leite no décor não dá.
Alguns tipos de destacam pela raridade e beleza, e por isso costumam ser mais caros. Se você procura uma decoração mais nobre e elegante, e o seu orçamento permitir certas extravagâncias, mesmo na primavera, esteja preparada para investir uma boa parcela dos seus reais em orquídeas, lírios, copos de leite e tulipas.

Harmonia é a palavra chave quando se trata de tipos de flores e cores. Elas não precisam necessariamente combinar com as toalhas, louças, etc, mas precisam combinar entre si, sem entrar em conflito com o visual geral da festa. A combinação de girassóis com orquídeas, por exemplo, não me agrada nem um pouco, porque cada uma tem um estilo completamente diferente da outra. Já as rosas brancas são coringas, na minha opinião. Os tons de rosa são etéreos e dão suavidade e delicadeza à decoração. Os vermelhos aquecem o ambiente e trazem à tona o amor e a paixão do momento. Flores multicoloridas são descontraídas e, por isso, trazem leveza. Mas, sou da opinião de que para fazer uma combinação de cores bem feita é preciso escolher os tipos menos rebuscados.

Uma boa parte do orçamento do seu casamento vai ser destinado à decoração. Por isso, é preciso ter muito cuidado na hora de escolher as flores. Se o seu budget é pequeno, não precisa abusar delas. Pode escolher poucas, misturá-las à folhagens e outros elementos decorativos. Mas, as poucas flores que escolher precisam ser vistosas, frescas e lindas para não comprometer a decoração. Aquela nossa velha dica de fazer cerimônia e festa no mesmo local, princpalmente se for num espaço ao ar livre, também é ótima para economizar nesse quesito.
Porém, algumas noivas sonham mesmo em adentrar pela nave de uma igreja com lindos arranjos florais por toda a parte. E se é isso que vai te fazer feliz, pois bem, faça. Mas, esteja preparada para investir uma boa parte do seu orçamento nisso e numa iluminação apropriada para que elas tenham o destaque que merecem.

Na hora de escolher suas flores – e isso vale para todas as estações do ano - leve sempre em conta o seguinte:
- o estilo que você deseja imprimir;
- os tipos e cores que combinam melhor com você e com seu estilo;
- a parcela do seu orçamento que pode ser disponibilizado para esse fim;
- os tipos e estarão mais bonitos e em conta nessa estação do ano.


Flores são naturalmente lindas se bem manipuladas e você não precisa abusar no tamanho dos arranjos para que elas façam bonito na sua decoração. Na cerimônia, uma boa dica é escolher quatro arranjos altos, dois para a entrada e dois para o altar. Mas, isso depende muito do tamanho da igreja que você escolheu. Por isso é importante a ajuda de um profissional especializado no assunto para te ajudar a fazer uma decoração, no mínimo, correta.
Nos bancos, uma decoração singela é suficiente. Essa semana mesmo a Janete Pimenta mostrou no seu blog fotos lindas de gipsófilas cor de rosa que ficam muito bem nesse caso (e em muitos outros), e que são bem baratinhas o ano inteiro.


No salão, a mesa de doces e chocolate pede arranjos um pouco mais elaborados, porque naturalmente atraem o olhar, e por isso precisam ser decoradas com maior carinho e atenção nos detalhes. Mas, com a quantidade de forminhas e velas que geralmente se usa, não precisa exagerar também. Dois ou três arranjos maiores, dependendo do tamanho da mesa, ou mesmo vários arranjos menores, de tamanhos diferentes, intercalados com velas e os próprios doces já fazem bonito.


Os centros de mesas dos convidados podem ser altos ou baixos, desde que você não esqueça que as pessoas precisam enxergar quem está do outro lado. E não é regra escolher arranjos do mesmo formato para todas as mesas. Você pode usar arranjos baixos combinaos com arranjos altos, ou com alguns arranjos menores numa mesma mesa, desde que bem harmonizados entre si. Lembre-se sempre que menos é mais.

Há uma infinidade de formatos de flores na nossa flora, desde as mais imponentes até as mais delicadas. E baseada no seu estilo, e com aquela ajuda fundamental do seu decorador, entre os meses de setembro e dezembro, enquanto dura a primavera, você tem uma lista enormes delas para poder escolher. Alguns dos tipos da estação são:

- Agapanto, Aster, Copo de leite, Dália, Estátice, Frésia, Gladíolo, Girassol, Lírio branco, Tango, Tulipa, Anturio, Boca de Leão, Cáspia, Crisântemo, Gérbera, Gispsófila, Lisiantus, Cravina, Iris, Oncidium, Astromélia, Violeta, Narciso, Crino, Petúnia, Lírio do Amazonas, Dama da noite, Margarida, Gardênia.

Isso não quer dizer que será facílimo encontrá-las. Para nós, é sempre mais fácil achar as tropicais, que são características da nossa flora. Mas, se tiver a sorte de encontrar todas, tenha certeza de que estarão lindas, vigorosas, perfumadas e ainda mais encantadoras.


Fontes: Papo Íntimo, Ponto dos Noivos, Tudo para a sua festa e Dário das Noivas;
Fotos: (1ª) Martha Stewart Weddings, (2ª e 3ª) The Knot, (4ª) Patricia Figueira - Décor de Rosi Medeiros

1 comentários:

Aline 24 de setembro de 2009 18:38  

Amei amei ameiiiiiiiiiii!!!!!