Decoradores Prediletos

>> sexta-feira, 6 de novembro de 2009


Simone Kauffman

Entrou na lista simplesmente porque num casamento na Hípica Paulista, ela criou um cenário perfeito para a primavera: refinado e cheio de colorido! Aproveitando as característiccas refinadas inerentes ao espaço, privilegiou a combinação entre mobiliário de tons claros, de estilo e diversas texturas - como o bambu e a madeira – combinados com arranjos florais de vários tipos e matizes, que inlcuiam rosas, cravinias, chuva-de-ouro, lírios e cravos misturados às folhagens de fícus e latânia, dando o tom alegre, com suntuosidade na medida exata.





A combinação de mesas quadradas, redondas e retangulares que ficavam num salão anexo construído no terraço com uma grande cobertura, recebeu um composê de tecidos coordenados de toalhas na cor fendi e caminhos de mesa com listras nas cores do décor.





Para criar um clima despojado, os sousplats foram eliminados da decoração, e no lugar deles, foram usados jogos americanos feitos de folhas de costela de adão, guardanapos amarrados com fitilhos coloridos, arranjos baixos, dispostos em pequenos jarros, cops e taças. Nos lounges e bistrôs a preferência foi por um clima mais intimista, pontuado pelo uso de velas e castiçais, além de cortinas de tecido leves que deixavam á mostra os jardins da Hípica.



Mas, o ponto de maior destaque, como sempre, foi a mesa de doces, emoldurada por uma parede de hera com um espelho veneziano no centro, que recebeu os maiores, mais belos e coloridos arranjos. Pequenos bowls e pratos com e sem pés e, todos na cor verde abrigavam as tentações de açúcar, que são os itens de maior sucesso em qualquer casamento!







Imagens: Alexandre Pirani - Revista Kaza Festas



4 comentários:

Maitê 6 de novembro de 2009 16:01  

Belíssimas as fotos !!!

Beijinhos !!!

Maitê 6 de novembro de 2009 16:01  

Belíssimas as fotos !!!

Beijinhos !!!

Flavia Fonseca Moraes 10 de novembro de 2009 01:19  

Adoro essas cores de Decor!
e tb ver meu link no seu blog!
um bjo!

Janete Pimenta 11 de novembro de 2009 20:36  

é uma das poucas que eu gosto e admiro!